Mariana Xavier Palestrante DMT Palestras

Mariana Xavier

No palco, em frente às câmeras e na vida, a atriz vê no poder da autenticidade o caminho para inspirar as pessoas a amarem aquilo que têm de único.

SOBRE A PALESTRANTE

Mariana mostra a importância de olharmos para dentro com carinho e respeito por quem somos.

Dona de uma carreira consolidada no teatro, na TV e no cinema, a artista conta sobre sua trajetória de aprendizados vindos das inúmeras tentativas de corresponder a padrões sociais que não traduziam verdadeiramente sua essência. Após descobrir o potencial que vivia em sua autenticidade, hoje, Mariana inspira as pessoas a entenderem sobre o empoderamento que vem de respeitar e acolher as luzes e sombras que as tornam únicas e usarem suas singularidades em seu favor. Em conversas leves e bem-humoradas, a atriz compartilha suas formas de lidar com dilemas cotidianos que envolvem autoestima, diversidade, autoconhecimento, relacionamentos e saúde mental, reforçando a importância de fortalecer vínculos e exercitar a capacidade de compreender o outro.
TEMAS DE PALESTRAS
01

Seja seu próprio padrão

Como falar de padrões em um mundo de pessoas tão diferentes, em uma sociedade de tantos contextos? Nesta palestra, a artista conta sobre os desafios que enfrentou ao longo de sua vida enquanto tentava se encaixar em um modelo julgado ideal de aparência e comportamento para, enfim, alcançar o sucesso que desejava.

Na sequência, ela compartilha a libertadora descoberta das virtudes que a tornavam única e que poderiam ser seus diferenciais na vida e na carreira. Por fim, Mariana reflete sobre como todas as pessoas têm algo que ninguém mais tem e como é importante abandonar o sentimento de não pertencimento causado por tantos fatores externos enquanto há tanto a se valorizar dentro de cada um de nós.

02

Vínculos que curam a falta

Do ponto de vista de uma artista que foi diagnosticada com Transtorno de Ansiedade Generalizada enquanto vivia um dos melhores momentos de sua carreira, Mariana compartilha a necessidade do autocuidado e do respeito aos próprios limites em uma abordagem leve e bem-humorada, em que ilustra situações vividas pela maioria das pessoas cotidianamente.

Nesse bate-papo, ela reforça a importância da escuta ativa, de acolhermos as nossas vulnerabilidades e de formar vínculos capazes de nos fortalecer e encorajar para que os desafios da vida sejam sempre enfrentados com resiliência, resultando em importantes aprendizados e amadurecimento.

03

Essa tal liberdade

O que é ser livre para você? Com essa pergunta, Mariana inicia uma apresentação descontraída em que define a liberdade como algo que vai muito além da ausência de restrições para fazer ou ser o que quiser. Ela desenha a liberdade, acima de tudo, como a capacidade de ser fiel aos próprios valores e necessidades, desenvolvendo autonomia para estabelecer rotinas, vínculos e recalcular planos e objetivos que sejam verdadeiramente coerentes com aquilo que traz conforto e autorrealização. Para que isso seja possível, ela fala sobre uma atitude essencial e libertadora, que é um grande desafio para a maioria das pessoas: dizer não!

Ainda nessa conversa, Mariana fala sobre poder alcançar a liberdade de não corresponder ao que a sociedade espera de nós, em todos os sentidos, mas ao nosso verdadeiro propósito de vida.