16 de abril de 2019

Dia da Voz: você sabe do que estamos falando?

Você não pensa nela o tempo todo, mas imagina se tivesse algum problema no aparelho vocal e, de repente, ficasse sem voz? Sem dúvida, essa mudança afetaria não só as suas relações pessoais e profissionais, mas, possivelmente, boa parte da sua rotina. Nossa voz está presente em todo o momento – e não somente nos momentos de fala.

A voz também é parte importante da construção do nosso discurso e suas particularidades, como a dicção, a pronúncia e até mesmo a postura vocal revelam muito sobre quem somos.

Neste texto vamos explicar porque a voz é tão essencial no nosso dia a dia, quais são os riscos que devemos ter em conta com relação à sua saúde e porque precisamos ficar atentos com a impressão que passamos por meio de nossa voz. Boa leitura!

 

Dia da Voz: questão de saúde

Iniciativa da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, o Dia da Voz, comemorado em 16 de abril, foi criado em 1999, no Brasil, mas não tardou para que a data ganhasse espaço em outros países. Hoje, o dia é celebrado nos Estados Unidos e alguns países da Europa e da Ásia. Afinal, podemos até não prestar tanta atenção nela diariamente, mas a voz está presente no nosso cotidiano, nas relações humanas, no trabalho, ou seja, em todas as esferas da vida do ser humano.

O objetivo com essa homenagem é promover a saúde do aparelho vocal e debater outras questões relativas à saúde, como as doenças da laringe. A laringite, que é caracterizada por uma inflamação na laringe, acomete mais de 2 milhões de pessoas todos os anos, somente no Brasil. Já o câncer de laringe registra cerca de 8 mil novos casos por ano, principalmente em homens com mais de 40 anos. Fora essas doenças, outros problemas podem ser mais comuns, como rouquidão ou afonia. Alguns cuidados como o de evitar o consumo excessivo de álcool e cigarros, tomar líquidos regularmente, evitar gritar e levantar a voz podem ajudar a dar melhor qualidade de vida com relação à voz.

 

Dia da Voz: questão de fala

Mas, para além da questão da saúde, o Dia da Voz também pode ser lembrado para comemorar um outro atributo essencial: o poder da voz. É ela quem nos conecta a outras pessoas e revela nossa personalidade, nossos medos e inseguranças, mas também, nossa expressividade e força comunicativa.

Cuidar da voz é também cuidar de quem somos e o que queremos demonstrar com ela. Sobre isso, a fonoaudióloga e especialista em voz Luciana Vianello afirma que é preciso “descobrir a sua própria expressividade”.

 

 

“Não dá para sermos robôs nos modelo da expressividade dos gestos, da voz ou sequer na nossa mímica da face. Descobrir a sua própria expressividade e força comunicativa é um passo importante para uma comunicação autêntica. Cuidar da comunicação como estratégica para os resultados que queremos atingir pode ser sim um elemento essencial dessa jornada. A começar pela nossa presença, pela marca que queremos imprimir na carreira, nos negócios, no exercício da liderança! Comunicação é posicionamento de protagonismo e sinergia na vida”, afirma a especialista.

 

Se você gostou desse conteúdo, não deixe de nos seguir nas redes sociais. Estamos no Facebook, LinkedIn e no Youtube.

0 Comentários

Deixe seu Comentário

Nossos Clientes

Conheça as empresas que utilizam o DMT Palestras.