1 de outubro de 2019
Palestrantes Desafios do Empreendedorismo Global

Os Desafios do Empreendedorismo Global

Reunimos os principais insights sobre empreendedorismo dos nossos palestrantes que superaram diversas barreiras para empreender, no Brasil e no mundo.

 

Não é novidade para ninguém que o empreendedor enfrenta uma série de desafios, desde o momento de abrir o próprio negócio, passando por toda a fase de planejamento e estruturação, até permanecer sobrevivendo no dia a dia. E isso não ocorre somente no Brasil. Em todo o mundo, com dificuldades diferentes, claro, empreender é uma tarefa que está a todo o tempo sob algum tipo de risco.

Crises financeiras, mudanças na legislação e em regulações que afetam o setor, custos trabalhistas são alguns dos entraves que costumam ser frequentes, não importa muito o ambiente em que o empreendedor está instalado.

No texto de hoje vamos tentar compreender um pouco mais a fundo quais desafios são esses, quais são as características do empreendedor brasileiro e como é que as palestras sobre empreendedorismo podem ajudar a tornar esses desafios mais leves. Boa leitura!

Quem é o empreendedor brasileiro?

Segundo cálculos do Sebrae, o número de empreendedores no Brasil chega próximo aos 25 milhões. Esse é o número de habitantes da Austrália, para se ter uma ideia. A maior parte deles tem renda de até um salário mínimo por mês (35%) e apenas 13% conseguem receber mais de 5 salários mínimos.

Dados do Sebrae também mostram que um terço dos empreendedores são mulheres, metade tem entre 35 e 54 anos e a maior parte dos empreendedores (34%) sequer concluiu o ensino fundamental. Uma realidade bastante distinta da que imaginamos quando falamos sobre empreendedorismo

Segundo o relatório do GEM (Global Enterpreneurship Monitor), desenvolvido em parceria com o Sebrae, o percentual da população que pensa em abrir o próprio negócio sofreu uma queda entre 2016 e 2017, de 31,7% para 17,9%. Essa queda brusca ocorre mesmo com aumento da sensação de que há boas oportunidades para começar um novo negócio no país – também no mesmo período.

No entanto, ao analisar os entraves ao desenvolvimento da atividade empreendedora, o brasileiro acredita que as políticas governamentais (86,7%) são um fator limitante maior que o apoio financeiro (45%), por exemplo.

5 desafios do empreendedorismo global pelos empreendedores brasileiros

Uma pesquisa realizada pela Endeavor, em 2016, traz um mapa interessante sobre a visão do empreendedores brasileiros com relação a empreender no país. O levantamento contou com coleta de dados do Datafolha envolvendo mais de mil pessoas e trouxe reflexões importantes sobre os principais desafios para o setor.

1. Gestão de pessoas

No topo da lista dos principais desafios para o empreendedor está a gestão de pessoas. Faz sentido se pensarmos que são elas as responsáveis por construir um negócio. Do ponto de vista dos empreendedores brasileiros, o grande desafio é a formação de lideranças. Sem bons líderes, é praticamente impossível que a empresa consiga crescer de forma saudável, explorando todo o seu potencial.

O desenvolvimento de lideranças é uma dificuldade constante já que há inúmeros aspectos que envolvem a construção de um líder dentro do ambiente corporativo. Entender as particularidades dos funcionários, conseguir deixar a equipe alinhada com os objetivos da empresa e motivada para buscar os resultados são apenas alguns deles.

2. Gestão financeira

Outro desafio listado pelos empreendedores é lidar com as questões financeiras da empresa, principalmente em um cenário de crise, em que a arrecadação pode ficar mais comprometida mas, os gastos, não necessariamente seguem esse ritmo. Conforme o levantamento da Endeavor, praticamente metade dos empreendedores consultados disseram que a principal dificuldade é que, em tempos de crise, os custos da empresa aumentam em taxas acima da receita, causando um cenário de difícil gestão.

3. Burocracia e regulação

Se engana quem acredita que a burocracia é algo que dificulta apenas o surgimento de um novo negócio. Além do desgaste para formalizar uma empresa e todo o excesso de documentação exigido, há outros entraves burocráticos ao longo da vida de um empreendimento. Segundo os donos de negócios consultados pelo estudo, um dos principais desafios enfrentados por eles é respirar em meio à emaranhada política tributária brasileira.

Com uma das legislações mais complexas do mundo para o assunto, pagar os impostos de forma adequada, sem contar com as taxas altas, que podem variar brutalmente de uma categoria para outra, se torna um grande entrave para o desenvolvimento de um negócio próprio.

4. Inovação

Além de cuidar da gestão de pessoas, da gestão financeira e das artimanhas burocráticas, o empreendedor também deve pensar, com certa frequência, em como fazer para manter seu negócio sempre à frente de seus concorrentes. A estagnação é certeza do fim do negócio em algum momento. Mas a inovação é o que garante essa sobrevivência.

Empreendedores do setor de Tecnologia da Informação e Comunicação são os que mais têm suas dores atreladas à necessidade de pensar em um produto novo, que é o campo mais lembrado dentro do conceito de inovação.

5. Marketing e vendas

Esse é outro ponto destacado por empreendedores dos mais diversos tamanhos, principalmente com relação ao desafio de conquistar e reter clientes. As estratégias de marketing digital têm, cada vez mais, ajudando esses profissionais na geração de leads, mas uma outra área aparece como sendo fundamental pelos próprios empreendedores, a de satisfação do cliente.

Por quê contratar uma palestra sobre empreendedorismo?

O empreendedorismo é um dos temas do momento. Seja por necessidade ou aposta no retorno do mercado, abrir o próprio negócio é um dos assuntos que mais têm sido discutidos no Brasil. E as palestras são uma oportunidade interessante. Médias e grandes empresas que desejam despertar em seus funcionários alguns valores como inovação, trabalho em equipe e o espírito de liderança tem procurado palestrantes de destaque na área do empreendedorismo para passar ensinamentos aos colaboradores.

Por meio da sua trajetória de vida, como é o caso de Mazé Lima, dos cases de sucesso, como Renato Mendes, ou a capacidade de inovar em um mercado tradicional, como é o caso de José Felipe Carneiro, apostar em uma palestra sobre empreendedorismo é uma solução criativa para fazer sua equipe se desenvolver.

Agora que você conhece mais sobre os desafios do empreendedorismo global e a importância das palestras sobre o assunto, dê uma olhada em alguns palestrantes mais cotados para o tema:

 

Sabe o que levar em consideração na hora de contratar um palestrante?
Nossos #DMTRockers criaram especialmente pra você “O Guia Definitivo para Contratação de Palestrantes”, um e-book que vai te orientar, da solicitação de orçamento, até a finalização do seu projeto. Só clicar nesse link!

0 Comentários

Deixe seu Comentário

Nossos Clientes

Conheça as empresas que utilizam o DMT Palestras.